quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Como pintar a casa com estampa ziguezague


 O ziguezague é uma das estampas mais cultuadas do mundo da moda, tornou-se marca registrada da grife italiana Missoni e, atualmente, extrapolou as roupas e vem sendo usada na decoração. Conhecido como chevron, o motivo pode ser adotado para preencher uma das paredes ou decorar objetos, como almofadas, vasos e painéis.

A designer de interiores Fernanda Nogueira, consultora técnica da Lukscolor, ensina aqui como pintar o motivo.



 Materiais Necessários:

Misturador de tinta / lápis / fita crepe / estilete / bandeja para pintura / rolos de espuma / trena / régua de aço / prumo ou esquadro...


Tintas látex (para paredes) ou esmalte para a coloração de superfícies de madeira ou metal. Você pode fazer a pintura nas cores que desejar. A sugestão é uma variação de tons de verde, que transita do fechado e sóbrio ao aberto e cítrico


Primeiro dê uma demão da tinta, que criará o "fundo" para o ziguezague. Use o mesmo tipo de tinta indicado para fazer o ziguezague (veja a foto 3). Aqui, foi usado o branco como base. Espere secar. Agora assinale na superfície a espessura que você deseja dar ao chevron, utilizando a trena e o lápis. No exemplo, a marcação foi iniciada a dez centímetros do topo e tem faixas assinaladas verticalmente a cada 20 centímetros


Na sequência, marque a distância entre os topos do ziguezague, essa dimensão dará a largura do traçado. Neste exemplo, as pontas distam, entre si, 20 cm. Uma dica para evitar erros posteriores, principalmente quando se tratar de áreas grandes, é certificar-se de que as marcações das pontas estão alinhadas, usando o prumo, para checar a regularidade do desenho nas paredes, ou esquadro no caso de áreas menores


Agora, delimite com fita crepe a área que será pintada. Note que a aplicação da tinta será realizada no "miolo" entre as fitas, por isso, cole-as acima e abaixo das marcações feitas a lápis. Neste exemplo, foi deixada uma folga superior de aproximadamente um centímetro em relação às pontas dos ziguezagues da primeira faixa, considere esse distanciamento, caso a superfície a receber a pintura seja uma parede, onde o teto é o limite


Defina a área a ser pintada com a fita crepe para todas as linhas do ziguezague, repetindo o processo de medição e colagem até o fim da superfície que deseja decorar

Ao terminar de delimitar as linhas com a fita, o desenho da superfície ficará parecido com o da foto. Repare que a área onde será aplicada a pintura fica mais larga que a porção que permanecerá apenas com a cor de fundo. Essa diferença só se manterá durante a pintura e será anulada com a remoção da fita crepe


 Um segredo para que a tinta não vaze por debaixo da fita é cobrir a superfície que será colorida com mais uma demão da cor do fundo, neste exemplo, o branco. Para não cometer erros, siga sempre as recomendações do fabricante sobre diluição e tempo de secagem da tinta escolhida


Depois que a tinta do fundo estiver seca, aplique os matizes desejados para colorir os ziguezagues. Assim como para a tinta base, siga as indicações contidas na embalagem para a diluição e a secagem adequadas


 Uma dica fundamental para que o resultado seja harmônico é criar um padrão de aplicação das cores, como o efeito degradê (da mais escura para a mais clara) e/ou determinar uma sequência a ser repetida. Se achar necessário, aplique duas demãos para cada uma das faixas


 Para que o resultado final seja de qualidade, assim que aplicada a última camada de tinta sobre o último ziguezague a ser pintado, retire imediatamente e com cuidado as fitas

 Prontinho! Seja qual for a superfície escolhida para receber o ziguezague, você vai obter um motivo gráfico e contemporâneo que vai dar um toque especial à decoração da sua casa. [Créditos: Silvana Maria Rosso (reportagem visual e texto) / Lukscolor (consultoria e material) / Fernanda Nogueira (execução)] 

Como reformar a cozinha gastando pouco com dicas da TV



Por ser o ambiente onde ficamos mais tempo, a cozinha deve ser um ambiente agradável e funcional. Porém para se conseguir um  projeto ideal, pode ser necessário que você faça um investimento acima do esperado.

Confira abaixo como renovar a cozinha gastando pouco com as dicas dos apresentadores dos programas “Ao Estilo de Candice” e “Irmãos à Obra”


1. Acrescentar detalhes originais


A designer de interiores Candice Olson adora incluir detalhes para conferir um estilo próprio a cada ambiente. Na cozinha, fruteiras, quadros ou um mural de avisos com seu estilo e personalidade são algumas opções.

2. Realçar a iluminação




©DC Interiors & Renovations/Creative Commons

A série “Ao Estilo de Candice” sempre destaca a importância da iluminação. Segundo Candice, uma boa solução é embutir lâmpadas no teto ou nos armários que queremos realçar.

3. Investir em cortinas


Se a cozinha parece apagada e sem graça, use cortinas para alegrar o ambiente. Candice explica que nenhum espaço está completo sem cortinas, tapetes ou almofadas, pois são acessórios sempre trazem aconchego, cor e design ao ambiente.

4. Combinar cores



©Chalon Handmade/Creative Commons

Mudar a cor das paredes e armários também é uma boa solução para renovar a cozinha. Candice prefere combinar tons claros e escuros, como paredes pintadas de branco, móveis em tons de marrom e eletrodomésticos de aço inoxidável. Cozinhas de estilo moderno também podem incluir acessórios em preto, que sempre chamam a atenção.

5. Usar novos materiais


Trocar o granito da bancada pode sair caro, mas revesti-la com um novo material é uma boa solução. Os irmãos Drew e Jonathan Scott sugerem revestir o granito original com madeira. O resultado é um móvel muito mais moderno e arrojado.

6. Colocar um pouco de natureza em sua cozinha



©Discovery Home & Health/Divulgação

Os irmãos Scott deram mais vida e luminosidade à cozinha de Janna e Michael combinando móveis brancos com plantas e pratos coloridos. Enfeite o espaço com dois ou três vasos para criar um ambiente agradável para sua família.

7. Redistribuir o espaço


Além de pequenas reformas – como derrubar uma parede para unir a cozinha à sala de jantar – Drew e Jonathan sugerem ideias simples para ampliar os ambientes e torná-los mais funcionais. A dica é evitar móveis e eletrodomésticos volumosos e livrar-se de objetos que não são usados para liberar espaço, como fizeram na casa de Cristal e Scott.

8. Reorganizar os utensílios



©Chalon Handmade/Creative Commons

Quando os móveis e armários são pequenos, a cozinha acaba virando uma bagunça. Para ganhar mais espaço sem investir muito, acrescente barras de aço inoxidável no teto ou na parede. As barras servem para pendurar panelas e utensílios.

Instalar prateleiras de madeira para organizar potes e utensílios também é uma solução atraente e econômica.

9. Incluir objetos artesanais


A última tendência em cozinhas combina detalhes rústicos e modernos. Você pode combinar móveis e acessórios modernos com objetos reciclados ou artesanais, como copos feitos com potes de geleia. Você também pode reaproveitar outros recipientes de vidro para criar pratos, vasos ou castiçais.

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Como fazer cobre bolo de crochê


Aprenda a fazer um cobre bolo de crochê!
Uma ideia bem legal para decorar sua mesa enquanto protege o alimento!

Material Necessário:
Kit tear circular 30cm diâmetro e rabo de rato
1 agulha de crochê nº 2
1 cola universal Círculo
3 novelos de Duna cor 9202 e 7738

Modo de fazer:
Iniciar com a cor branca, envolvendo o pino e passando o fio de baixo para cima por 5 carreiras, mudar o fio mescla vermelho e envolver o pino duas vezes depois passar uma argolinha por cima de duas por 25 carreiras, mudar o fio marrom e fazer somente meia passada e uma argolinha de baixo por cima por 20 carreiras, arrematar tirando o fio e colocando o fio na agulha e fazendo 3 correntinha e retirar o próximo até retirar todos dar um nó.

Confeccionado por: Márcia Ester.

Fonte: Círculo